Central de Informações
(53) 21288269

Pacientes Jurídicos UCPel: conheça a nova estrutura do projeto

Pacientes Jurídicos UCPel: três acadêmicos interagem com a professora coordenadora em atendimento na Unidade Básica de Saúde Sanga Funda.

Você já ouviu falar do projeto de extensão da UCPel que leva atendimento jurídico às Unidades Básicas de Saúde (UBSs)? Então, ao longo das atividades, o Pacientes Jurídicos mudou.

Agora, além de ser um projeto de extensão, faz parte do currículo da graduação em Direito. Assim, é mais uma oportunidade de estágio prático para os acadêmicos.

Quer ficar por dentro de todas as novidades? Continue lendo 🤓. E, se você quer conhecer como o projeto costumava funcionar, clique aqui.

Qual o objetivo?

Para começar, vamos ter em mente o objetivo do Pacientes Jurídicos da UCPel. A ideia é facilitar o acesso à justiça e ao direito. Isso se dá através da descentralização dos atendimentos.

Ou seja: os estudantes vão até as UBSs administradas pela Universidade. Lá, prestam serviço de assistência jurídica em todas as áreas do direito, com exceção da criminal.

Além disso, a ação busca evitar o agravamento de problemas de saúde, como hipertensão, estresse e depressão, por questões geradoras de angústia.

Onde é realizado?

Atualmente, duas comunidades contam com o projeto: Pestano e Sanga Funda. No Pestano, o grupo atende desde 2017. Já a ampliação para a UBS Sanga Funda é recente.

Isso porque, o projeto busca atender, de maneira satisfatória, toda a comunidade pelotense. Confere mais no vídeo da coordenadora do curso, professora Ana Luiza Berg Barcelos 👇👇👇.

Como funciona o atendimento do Pacientes Jurídicos da UCPel?

Os alunos visitam as Unidades a cada 15 dias, quando fichas são disponibilizadas para os usuários. No Pestano, os atendimentos ocorrem nas segundas-feiras, enquanto na Sanga Funda, nas sextas-feiras.

O primeiro contato serve como triagem, ou seja, identificação da demanda trazida pelo usuário. Nessa parte, os alunos contam com o apoio de um professor orientador.

Após, o caso segue para o Serviço de Assistência Judiciária (SAJ). De acordo com o estudante do 9º semestre, Ronaldo Madruga, o projeto aproxima os pacientes da realidade dos alunos.

“Saímos de dentro da sala de aula e colocamos em prática o que aprendemos. Nos facilita muito o trâmite dentro do poder judiciário”, diz.

Além da teoria e prática

Pacientes Jurídicos UCPel: em primeiro plano, paciente jurídica. Ao fundo e desfocado, aluno da UCPel presta atendimento

De acordo com a professora, a inserção dos alunos no projeto vai além do complemento prático. Dessa forma, auxilia na construção de uma formação acadêmica completa.

“Nós conseguimos promover uma formação humanística através da visão real dos assistidos”, destaca.

Para o estudante do 10º semestre, Iure Kaiser, a inserção na comunidade amplia ainda mais o aprendizado prático. Ainda mais se comparado as demais áreas de estágio oferecidas pelo curso.

“Isso nos dá mais sustentabilidade na hora de entrar no mercado de trabalho”, acredita.

E, assim como a professora, a acadêmica do 10º semestre, Carolina da Silva, destaca o desenvolvimento pessoal dentro do projeto. Ainda, a aplicabilidade do direito no cotidiano. Veja o depoimento completo no vídeo abaixo: 🎥

A UCPel, por ser uma instituição comunitária, prioriza a atuação dos acadêmicos na comunidade. Por isso, diversos dos nossos projetos geram impacto direto para a população.

Ao estudar aqui, você poderá participar de projetos em diversas áreas. Desse modo, você se forma um profissional multidisciplinar e com um currículo de peso. Então, está esperando o que para fazer a UCPel?

 

Quero fazer a UCPel

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2019 Blog da UCPel